AESO - Faculdades Integradas Barros Melo




Oficinas de Verão: Projetos para o Funcultura Audiovisual


Cinema e Audiovisual
dezembro. 20, 2018

Boa justificativa, orçamento adequado e documentação são necessários na proposta

Participar de programas de incentivo à produção audiovisual é o sonho de muitos estudantes e profissionais da área, porém, pequenos detalhes na apresentação dos trabalhos podem inviabilizar a proposta. Pensando nisso, a AESO-Barros Melo lança a Oficina de Projetos para o Funcultura Audiovisual, atividade que prepara os participantes para inscrever obras na edição 2019 do evento.

Durante as aulas, que são ministradas pelo produtor cultural Danilo Lúcio, os presentes tomam conhecimento das etapas do processo de inscrição do projeto, desde a construção da justificativa a como pensar o orçamento adequado, passando por documentações necessárias e apresentação da proposta.

O curso acontece entre os dias 14 e 17 de janeiro, no horário das 8h às 12h, totalizando 16h/aula. Inscreva-se aqui.

Veja o cronograma completo:

14/01 – Edital do Funcultura Audiovisual: Como funciona? Quais são os segredos?
15/01 – Tirando o projeto do campo das ideias: pesquisa para roteiro, pesquisa para justificativa, criação de conceito
16/01 – Orçamento para projetos
17/01 – Preparação de pitching

Sobre o FunCultura

O Programa de Fomento à Produção Audiovisual de Pernambuco beneficia toda a cadeia produtiva do setor, incentivando a produção de filmes de curta e longa-metragem, programas para TV, além de projetos a difusão (cineclubes, festivais, mostras), pesquisa e formação.

Sobre as Oficinas de Verão

As atividades contemplam as áreas das Artes Visuais, Cinema e Audiovisual, Design Gráfico, Fotografia, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, RTVI, e visam promover a integração da AESO-Barros Melo com a comunidade onde a instituição de ensino está inserida.

Os cursos, com duração mínima de 16h, são ministrados por professores da FIBAM e convidados. Os participantes têm direito a certificado, desde que tenham frequência comprovada de, ao menos, 80% da carga horária.

aeso - barros melo - Cinema e Audiovisual -

voltar